Contraste:
Tamanho do texto:

Dicas

Fogo na rodovia.

Fogo na rodovia.

Voltar

Em épocas de seca, iguais a que estamos atravessando, toda a vegetação ao lado da pista fica ressecada, é comum ocorrerem incêndios. Às vezes o fogo é causado por pontas de cigarro atiradas por motoristas ou até mesmo por puro vandalismo.

Independente da sua origem, o fogo forma uma intensa fumaça que pode atrapalhar a visibilidade. Em caso de fumaça na rodovia procure identificar a intensidade da nuvem, se conseguir enxergar através da fumaça passe por ela dirigindo devagar.

Caso a fumaça seja intensa, sinalize sua intenção de parar, distante do incêndio e esteja atento quanto aos outros veículos.

Ao entrar em uma cortina de fumaça, redobre a atenção e acenda os faróis baixos do veículo. Reduza a velocidade do veículo gradativamente, sem frear bruscamente;

Nunca pare o veículo na pista de rolamento, o que poderá causar acidentes ainda mais graves, pois o motorista logo atrás não tem visão total da rodovia.

Uma vez que optou em atravessar a fumaça, mantenha-se firme ao volante e não pare sobre a pista.

E nunca trafegue pelo acostamento, que é reservado apenas para os veículos de socorro e emergência.

E finalizando, ao avistarem focos de incêndio na rodovia, ligue para nós através do 0800 055 11 67 ou utilize um dos nossos call boxes. A sua informação é muito importante e pode evitar acidentes graves.

Oferecimento: ARTESP – Agência de Transportes do Estado de São Paulo.